Outubro Rosa: como é realizado o diagnóstico

por Tatiana Arenhart Zaleski

Para se descobrir um câncer de mama, ele pode ter sido notado no exame clínico (médico) ou por exame de imagens (mamografia, ultrassom ou ressonância), por isso a mamografia sempre deve ser feita anualmente por mulheres com mais de 40 anos mesmo sem antecedentes familiares de câncer de mama.


Uma vez tendo a suspeita o médico mastologista realizará uma biópsia. Esta biópsia pode ser uma pequena cirurgia ou com agulhas. Desta forma consegue-se retirar pedaços do tumor que vão para exame com o médico patologista, quem dirá se a alteração é ou
não um câncer. Se o resultado da biopsia for positivo para câncer, os médicos estudam o perfil do câncer para indicar o tratamento adequado, que pode ser iniciado com uma cirurgia para retirada do tumor ou com quimioterapia


Consultar um médico logo após a constatação de qualquer irregularidade com as mamas é imprescindível. Quanto mais tardio o diagnóstico, menores são as chances de cura.


DIAGNOSTICO








fonte: https://worldwidebreastcancer.org/