Novembro Azul: Fatores de Risco

por Viva Comunicação

Um fator de risco é algo que afeta sua chance de adquirir uma doença como o câncer. Diferentes tipos de câncer apresentam diferentes fatores de risco. Alguns como fumar, por exemplo, podem ser controlados; no entanto outros não, por exemplo, idade e histórico familiar.

Entretanto, ter um fator de risco ou mesmo vários, não significa que você vai ter a doença. Muitas pessoas que contraem a doença podem não estar sujeitas a nenhum fator de risco conhecido.

Vamos conhecer quais são os principais fatores de risco:

Idade: o câncer de próstata é muito raro em homens com menos de 40, mas a chance de ter câncer de próstata aumenta rapidamente após os 50 anos. Aproximadamente 60% dos cânceres de próstata são diagnosticados em homens com mais de 65 anos.

Cor da Pele: o câncer de próstata é mais frequente em homens de ascendência africana do que em homens de outras raças. Pessoas de raça negra têm o dobro da probabilidade de morrer de câncer de próstata do que os homens brancos. O câncer de próstata ocorre com menos frequência em homens asiáticos e hispânicos/latinos do que em brancos não hispânicos. Os motivos dessas diferenças raciais não estão claras.

Histórico Familiar: ter um parente de primeiro grau com diagnóstico de câncer de próstata mais do que duplica o risco de um homem de desenvolver a doença.

Alimentação: o exato papel da alimentação no câncer de próstata ainda está sendo estudado. Os homens que comem muita carne vermelha ou laticínios ricos em gordura parecem ter uma chance ligeiramente maior de ter câncer de próstata. Esses homens também tendem a comer menos frutas e legumes. Os médicos não têm certeza de qual desses fatores é responsável por elevar o risco. Alguns estudos sugerem que os homens que consomem grandes quantidades de cálcio (através de alimentos ou suplementos) podem ter um risco maior de desenvolver câncer de próstata.

Obesidade: acredita-se que homens obesos têm um risco maior de ter câncer de próstata mais agressivo.

Tabagismo: alguns estudos recentes têm ligado o tabagismo a um possível aumento no risco de morte por câncer de próstata.

Inflamação da Próstata: alguns estudos têm sugerido que a prostatite (inflamação da próstata) pode ser associada a um risco aumentado de câncer de próstata. A inflamação é muitas vezes diagnosticada em amostras de tecido da próstata, que também contêm câncer.

Doenças Sexualmente Transmissíveis: doenças sexualmente transmissíveis, como gonorreia ou clamídia, podem aumentar o risco de câncer de próstata, possivelmente levando a inflamação da próstata.

Vasectomia. Alguns estudos sugerem que homens que fizeram vasectomia podem ter um risco levemente maior de câncer de próstata.

#novembroazul